Votel - Eletromecânica Indústria e Comércio

(15) 3243.8690 | (15) 3243.8303
vendas@votel.com.br

Painéis

Os termos painéis ou quadros elétricos, podem ser utilizados para painéis CCM, painéis de distribuição, painéis de controle, painéis de instrumentação, painéis TTA/PTTA, painéis a prova de explosão, painéis pneumáticos, painéis especiais, reforma de painéis, caixas de passagem, de baixa tensão, que seguem a norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, e sempre adequados às normas NR 10, NR 12, assim como demais normas ou legislações especificadas pelo cliente.

Com o advento da norma NBR IEC 60439-1, Conjuntos de manobra de baixa tensão, podemos certificar os painéis colocados acima, como CONJUNTOS de manobra de baixa tensão, com ensaio de tipo totalmente testados (TTA) e CONJUNTOS com ensaio de tipo parcialmente testados (PTTA), garantindo assim alta confiabilidade de operação e manutenção.

Projeto de painéis

A Votel executa projetos de painéis elétricos de baixa tensão (painéis CCM, painéis de distribuição, painéis de controle, painéis de instrumentação, painéis TTA/PTTA, painéis a prova de explosão, painéis pneumáticos, painéis especiais, reforma de painéis, adequação às normas NR 10, NR 12, etc, caixas de passagem), orientada inicialmente pela norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como demais normas ou legislações especificadas pelo cliente. Para a execução de tais projetos a Votel utiliza, principalmente, o software “EPLAN Electric P8” (http://www.eplan.com.br/index.php?id=51892), que comporta todas as normas internacionais, como, IEC 61346, ANSI, JIC, NFPA e a Russa GOST, contando com o apoio de outros softwares “CAD” e “Office”.

Painéis CCM

Os Centros de Controle de Motores de Baixa Tensão (CCM) são painéis elétricos de manobra e comando de cargas elétricas, que na indústria, constituem, mais frequentemente, motores elétricos. No projeto desses equipamentos são seguidas todas as orientações da norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como a NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade e NR-12 – Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Com o advento da norma NBR IEC 60439-1, Conjuntos de manobra de baixa tensão, podemos certificá-los, como CONJUNTOS de manobra de baixa tensão, com ensaio de tipo totalmente testados (TTA) e CONJUNTOS com ensaio de tipo parcialmente testados (PTTA), garantindo assim alta confiabilidade de operação e manutenção.

Painéis de distribuição

O painel ou quadro de distribuição é um conjunto de manobra de baixa tensão destinado a receber energia elétrica de uma ou mais fontes de alimentação e distribuí-las a um ou mais circuitos da instalação elétrica, podendo ser constituído de barramento de cobre, chaves seccionadores, disjuntores, etc, montado em um invólucro metálico, plástico, fibra de vidro, etc... No projeto desses equipamentos são seguidas todas as orientações da norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como a NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade e NR-12 – Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Não diferente dos CCMs (Centros de Controle de Motores de Baixa Tensão), com o advento da norma NBR IEC 60439-1, Conjuntos de manobra de baixa tensão, podemos certificá-los, como CONJUNTOS de manobra de baixa tensão, com ensaio de tipo totalmente testados (TTA) e CONJUNTOS com ensaio de tipo parcialmente testados (PTTA), garantindo assim alta confiabilidade de operação e manutenção.

Painéis de controle e automação

O painel ou quadro de controle e automação é constituído de dispositivos de controle e comando de processos industriais, ou manobra e controle de baixa tensão a combinação de um ou mais dispositivos e equipamentos de manobra, controle, medição, sinalização, proteção, regulação, etc, em baixa tensão, utilizando em grande parte dos projetos, Controladores Lógicos Programáveis (CLPs), Interfaces Homem Máquina (IHMs), sensores, contadores, controladores de temperatura, controladores de nível, temporizadores, relés, cotatores, dentre outros equipamentos de manobra e comando. No projeto desses equipamentos são seguidas todas as orientações da norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como a NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade e NR-12 – Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Painéis de instrumentação

O painel ou quadro de instrumentação é constituído de dispositivos de controle e comando de processos industriais, ou manobra e controle de baixa tensão a combinação de um ou mais dispositivos e equipamentos de manobra, controle, medição, sinalização, proteção, regulação, etc, em baixa tensão, utilizando em grande parte dos projetos, Controladores Lógicos Programáveis (CLPs), Interfaces Homem Máquina (IHMs), sensores, contadores, controladores de temperatura, controladores de nível, temporizadores, relés, cotatores, dentre outros equipamentos de manobra e comando. No projeto desses equipamentos são seguidas todas as orientações da norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como a NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade e NR-12 – Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Com o advento da norma NBR IEC 60439-1, Conjuntos de manobra de baixa tensão, podemos certificá-los, como CONJUNTOS com ensaio de tipo parcialmente testados (PTTA), garantindo assim alta confiabilidade de operação e manutenção.

Painéis TTA/PTTA

Esses termos dizem respeito a norma NBR IEC 60439-1, Conjuntos de manobra e controle de baixa tensão, que aplica-se a esses CONJUNTOS de manobra de baixa tensão, com ensaio de tipo totalmente testados (TTA) e CONJUNTOS com ensaio de tipo parcialmente testados (PTTA), em que a tensão nominal não exceda 1000VCA e corrente de curto circuito igual ou maior que 10KA. Sendo CONJUNTO de manobra e controle de baixa tensão a combinação de um ou mais dispositivos e equipamentos de manobra, controle, medição, sinalização, proteção, regulação, etc, em baixa tensão, completamente montados, com todas as interconexões internas elétricas e mecânicas e partes estruturais sob a responsabilidade do fabricante. Como exemplo desse CONJUNTOS temos os painéis CCM, painéis de distribuição, painéis de controle, painéis de instrumentação, etc...

Painéis a prova de explosão ou para áreas classificadas

As instalações elétricas em indústrias, particularmente as químicas e petroquímicas, onde existe a possibilidade de formação de ambientes com misturas explosivas, devem receber atenção especial (NBR IEC 60079-0, NBR IEC 60079-10, NBR IEC 60079-14, NBR IEC 61241-0, IEC 61241-10, IEC 61241-14, IEC 61241-1, etc...).

Os painéis ou caixas a prova de explosão (NBR IEC 60079-1, NBR IEC 60079-7, NBR IEC 60079-11) são produtos que devem ser projetados e ensaiados de acordo com as normas vigentes de equipamentos para instalação em atmosferas explosivas, cujo tipo de proteção pode ser Ex-d, Ex-de, Ex-p. Esses painéis ou caixas podem ser fornecidos com bornes, barramentos, disjuntores, contatores, relés, fusíveis, transformadores, CLP’s, Interruptores, acionadores (partida de motores), sinalizadores, potenciômetros, botões de emergência, etc, aplicados para comando, sinalização, distribuição e força, etc.

O painel pressurizado (NBR IEC 60079-2) é normalmente fabricado em aço inox 304/316L, juntas de vedação em neoprene, parafusos e arruelas em inox, o que determina em resistência a corrosão, normalmente especificado para uso em ambientes marítimos. Sistema com compensação automática de perda da pressão sem necessidade de intervenção do usuário manualmente, e em caso de falta de pressão de linha o sistema interrompe automaticamente a alimentação da aplicação com possibilidade de indicador visual ou sonoro.

Painéis pneumáticos

Os painéis pneumáticos permitem acionamentos, comando e regulação de componentes pneumáticos, como, válvulas direcionais, controladoras de pressão e de fluxo, válvulas proporcionais, válvulas controladas por redes industriais (Ethernet, Devicenet, Profibus, etc), cilindros padronizados, compactos e sem haste; unidades de preparação de ar; tubos e conexões; sensores para cilindros, elementos para vácuo e acessórios pneumáticos em geral. Esses painéis são aplicados em praticamente todos os segmentos industriais, com destaque para máquinas de processamento de alimentos, têxtil, agrícolas, de papel e embalagem.

Painéis especiais

Nem sempre as caixas, dispositivos ou métodos de projeto e construção padrão da indústria de componentes elétricos, são suficientes para atender as especificações do cliente, como diferentes graus de proteção IP (NEMA), espessura de chapa, ambiente agressivo, pintura especial, material, etc. Assim, a Vote, está preparada para projetar e montar painéis especiais, com as mais diversas características ou especificações determinadas pelo cliente. No projeto desses equipamentos são seguidas todas as orientações da norma ABNT NBR 5410 - Instalações elétricas de baixa tensão, assim como a NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade e NR-12 – Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Reforma de painéis

Na busca da modernização do parque industrial, ou mesmo adequação às normas vigentes (NR 10, NR 12, por exemplo), o cliente pode reaproveitar alguns componentes que constituem seu painel ou quadro elétrico, de controle e automação, CCM, etc, o que chamamos de reforma, ou “retrofit” de equipamentos. Dessa forma, a Votel, com sua experiência, está preparada para valer-se das mais novas tecnologias para a revitalização e atualização desses equipamentos, para aumentar a vida útil dos mesmos, através da incorporação de modernas tecnologias e materiais de qualidade avançada, reconquistando a confiabilidade do sistema.

Adequação as normas NR 10, NR 12, etc...

A NR 10 estabelece os requisitos e condições mínimas objetivando a implementação de medidas de controle e sistemas preventivos, de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que, direta ou indiretamente, interajam em instalações elétricas e serviços em eletricidade. Esta norma se aplica às fases de geração, transmissão, distribuição e consumo, incluindo as etapas de projeto, construção, montagem, operação, manutenção das instalações elétricas e quaisquer trabalhos realizados nas suas proximidades, observando-se as normas técnicas oficiais estabelecidas pelos órgãos competentes e, na ausência ou omissão destas, as normas internacionais cabíveis.

A NR 12 e seus anexos definem referências técnicas, princípios fundamentais e medidas de proteção para garantir a saúde e a integridade física dos trabalhadores e estabelece requisitos mínimos para a prevenção de acidentes e doenças do trabalho nas fases de projeto e de utilização de máquinas e equipamentos de todos os tipos, e ainda à sua fabricação, importação, comercialização, exposição e cessão a qualquer título, em todas as atividades econômicas, sem prejuízo da observância do disposto nas demais Normas Regulamentadoras – NR aprovadas pela Portaria nº 3.214, de 8 de junho de 1978, nas normas técnicas oficiais e, na ausência ou omissão destas, nas normas internacionais aplicáveis.

Se sua instalação ou equipamento elétrico não seguem as normas NR 10 e NR 12 a Votel, oferece seu conhecimento, qualificação e habilitação, para adequá-los, através de novos projetos, instalações, ou mesmo, reformas ou “retrofit”.

Caixas de passagem

As Caixas de Passagem são destinadas a passar, emendar ou terminar linhas de redes elétricas, de comunicação industrial, instrumentação, sensores, pneumáticas, etc. Facilitando a manutenção e instalação dessa rede, por exemplo, em edifícios, residências,vias públicas e principalmente indústrias, centralizando vários cabos em um único local.

Laudo de adequação a norma NR 10

As empresas estão obrigadas a manter esquemas unifilares atualizados das instalações elétricas dos seus estabelecimentos com as especificações do sistema de aterramento e demais equipamentos e dispositivos de proteção. (Projeto de painéis)

Os estabelecimentos com carga instalada superior a 75 kW devem constituir e manter o Prontuário de Instalações Elétricas, contendo, além de esquemas unifilares atualizados, no mínimo:

  1. conjunto de procedimentos e instruções técnicas e administrativas de segurança e saúde, implantadas e relacionadas a esta NR e descrição das medidas de controle existentes;
  2. documentação das inspeções e medições do sistema de proteção contra descargas atmosféricas e aterramentos elétricos;
  3. especificação dos equipamentos de proteção coletiva e individual e o ferramental, aplicáveis conforme determina esta NR;
  4. documentação comprobatória da qualificação, habilitação, capacitação, autorização dos trabalhadores e dos treinamentos realizados;
  5. resultados dos testes de isolação elétrica realizados em equipamentos de proteção individual e coletiva;
  6. certificações dos equipamentos e materiais elétricos em áreas classificadas;
  7. relatório técnico das inspeções atualizadas com recomendações, cronogramas de adequações, contemplando as alíneas de “a” a “f”.

As empresas que operam em instalações ou equipamentos integrantes do sistema elétrico de potência devem acrescentar ao prontuário os documentos a seguir listados:

  1. descrição dos procedimentos para emergências;
  2. certificações dos equipamentos de proteção coletiva e individual;

Esse Prontuário de Instalações Elétricas deve ser elaborado por profissional legalmente habilitado, ou seja, um Engenheiro Eletricista.

A Votel conta com profissionais qualificados, não só para constituir e manter esse Prontuário de Instalações Elétricas, como também, adequar as instalações elétricas que não sigam as determinações da NR 10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade.